O que nos impede de Viver o Momento Presente?

Se a gente pensar no óbvio, a resposta é:

porque os nossos pensamentos estão no passado ou no futuro, mas o que está por trás disso?


Mas...

o que leva a esta agitação mental?


Vou descrever aqui 4 fatores que estão por traz das cortinas, causando a agitação mental e nos levando para o passado e para o futuro.



1. Quando a gente não ocupa nosso lugar na família e acha que tem que salvar o mundo, cuidar de todos.


  • Criamos um monte de tarefas que não existem.

  • Nos prendemos nos “tenho que”, obrigações e auto cobranças.

  • Cheios de preocupações, querendo resolver todos os problemas.



2. Quando não estou em paz com minhas origens- pai e mãe.

  • Se eu brigo com eles, é como se eu falasse pra mim mesmo que eu não posso existir, aí fico numa briga contínua.

  • Se eu acho que meu pai não é bom o suficiente ou que minha mãe deveria ser mais carinhosa… em algum lugar estou negando o jeito deles de ser e me limito mesmo que mesmo que inconscientemente.

  • Isso gera um super agitação mental, porque fica uma briga constante existindo.


3. Quando não concordo com o que aconteceu, fico me lamentando e sofrendo


  • Querendo mudar um passado que já foi, aí sofro no momento presente e não consigo viver a realidade que está disponível agora.

  • É como caminhar na vida, porém de costas para ela.


4. Quando eu não confio na vida.


  • É como se eu falasse para a vida que criou tudo que existe (o universo, planetas, as plantas, os animais) e falasse "Você não é boa pra mim, deixa que eu sei fazer melhor", aí fico tentando controlar, me esforçando e não desfruto do momento presente. É cansativo.



Você se identifica com algum destes??


É um olhar mais profundo, pode ser que você perceba na sua vida, ou pode ser que esteja camuflado.


Fato é que se está difícil viver o momento presente, alguma coisa está agitando sua mente, podem ser padrões, crenças, medos, também pode estar relacionado com os elementos da natureza.


Se falta o elemento Terra e a conexão com o corpo, você fica muito aéreo, perdido nos pensamentos. Portanto aumentar atividades que conectam com a Terra ajudam a voltar para o Momento Presente, como andar descalço, fazer escalda-pés, dançar…


Falo mais sobre isso na aula: O Caminho dos 4 Elementos para Viver na Presença, clique no link para assistir: https://vivernapresenca.laisgervasio.com.br



Cada vez que a gente reconhece estas partes nossas que estavam escondidas, podemos ocupar o nosso lugar no mundo, vivendo com mais qualidade de presença em cada instante!


Vamos junt@s!





6 Reflexões Preciosas para este INSTANTE:


pergunte-se -->

1. Será que estou ocupando este instante de Vida?

2. Ou estou pensando num momento de vida melhor que quero alcançar lá na frente?

3. Ou ainda estou sofrendo pelo que aconteceu lá atrás?

4. O que me impede de desfrutar o Momento Presente?

5. Do quê estou fugindo?


6. Como seria ver a Beleza que mora no único instante onde estou vivendo?


As perguntas abrem um novo ESPAÇO de consciência! Mesmo que a gente não tenha respostas.

Te convido a observar o que acontece no seu corpo à medida que você se pergunta:

  • quais sensações surgem?

  • como fica o coração?

  • é leve, é pesado?

Se quiser, compartilhe aqui nos comentários como foi sua experiência.


Seguimos conectad@s!






Minha história...


Parecia tão fácil quando eu ouvia um Guru dizer: “basta viver o AGORA”. Mas na prática era impossível, meu pensamentos vinham como uma avalanche e eu já estava toda envolvida naquelas nuvens de:

  • “tenho que ser melhor”

  • “o que será da minha vida?”

  • “minha avó teve depressão então também vou ter”

  • “ah, mas eu não queria ser como ela”

  • “será que o João é o homem da minha vida?”

BLÁ BLÁ BLÁ…

Pensamentos aleatórios que me tiravam do momento presente.

E quando eu tentava meditar, juro que eu tentava, meus Deus, parecia que piorava a situação.

O barulho mental aumentava.

Eu insisti, fiz várias vivências, terapia e algo que me ajudou muito foi quando eu conheci as Constelações Familiares.

Logo no primeiro módulo da formação, fizemos uma prática para perceber como olhávamos para os nossos Pais.

Alí reconheci que estava querendo dizer o que a minha deveria ou não fazer, ou seja, me sentindo maior do que ela.

Queria ainda salvar o meu pai, como se ele não desse conta da própria vida.

Imagine que arrogância…


Mas como isso reverbera nos pensamentos?


Cada vez que eu quero ter o controle sobre meus pais, acabo querendo ter o controle sobre a vida, me encho de preocupações.

Se quero salvar um dos meus pais, acabo querendo salvar o mundo.

Sabe aquela sensação de “ter que” resolver os problemas das pessoas?

Era assim…

Quando eu me dei conta disso, voltei para o meu lugar de pequena diante dos meus pais, tudo ficou mais leve.

Inclusive os pensamentos se acalmaram e pude descansar no momento presente.

ah, até a pernas inquietas acalmaram (sabe aquela mania de ficar mexendo as pernas? eu tinha).

É isso…mais um pouquinho da minha história eu partilho com você.

Se você leu até aqui, deixa um comentário.

A gente segue conectad@s!

beijo

Laís



Meditação: Momento Presente



Normalmente quando fala em meditação eu escuto:

“eu não consigo”,

“pra mim não vai”…

como se tivesse que chegar em algum lugar.

O convite aqui é soltar o esforço e simplesmente se perceber no momento presente.

Perceber o que está acontecendo aqui e agora.

Só 10 minutinhos pra experimentar essa prática, bora?!

Que a gente possa construir um mundo mais VIVO a partir de nós!


Beijo


Laís


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo